O Site da História Brasileira

Carregando...

05/09/2009

As Minas de Ouro do Brasil

As primeiras Minas de Ouro do Brasil foram descobertas pelos bandeirantes no final do século XVII, nas regiões dos atuais estados de Goiás, Cuiabá e Minas Gerais.

O Ciclo do Ouro no Brasil duraria até ao final do Século XVIII. As minas que haviam sido descobertas, foram completamente esgotadas.Minas de ouro do BrasilQuando foram descoberto as primeiras jazidas de ouro no Brasil, gente de toda a parte da colônia se deslocou para as áreas mineradoras.

O Ouro Brasileiro também atraiu povos estrangeiros, principalmente portugueses. Cerca de 600 mil lusitanos saíram de Portugal em direção ao Brasil sonhando com as riquezas que aqui encontrariam.

No início da Mineração no Brasil, não era difícil encontrar ouro pois o mesmo era de Aluvião, ouro encontrado na superfície terrestre, beira dos rios e encostas.

Os bandeirantes, descobridores da maioria das minas, foram recompensados com o direito de explorar primeiro as jazidas. Portugal buscou logo o controle sobre as Minas de ouro em sua colônia, criando diversas leis e regras para a exploração aurífera.

Em 1702 foi criado a Intendência das Minas, órgão encarregado de aplicar a legislação sobre a mineração na colônia. Cabia ainda ao órgão dividir o local a ser explorado em Datas, Lotes de terra entregues ao descobridor das minas.

As áreas maiores que as Datas eram chamadas de lavras, lotes de terras em que a exploração do ouro só seria possível com técnicas de exploração mais eficaz e com um grande número de escravos.

O ouro extraídos nas Datas e Lavras deveriam ser levados imediatamente as Casas de Fundição, local onde o ouro era transformado em barras seladas com o Símbolo Real Português. Da quantia de ouro levada as Casas de Fundição, o governo português tinha o direito de retirar o Quinto, 20% do ouro descontado como tributo a ser pago pela exploração das minas.

Os Senhores de Engenho que já não viam tendo lucros com o já decadente comércio do açúcar, também passaram a investir na exploração de ouro. A mão-de-obra escrava usada nos engenhos passou a ser usada nos garimpos.

Pessoas sem escravos ou que trabalhavam por conta própria eram chamadas de Faiscadores.

As Minas de Ouro do Brasil Colonial fez com que o país tivesse uma explosão demográfica. O Centro-Sul do país passou a ser o centro econômico, politico e social da colônia, substituindo o Nordeste que passava por uma grande crise econômica devido a queda de venda do açúcar.

A Cidade do Rio de Janeiro por estar situada próxima a região mineradora tornou-se a nova capital do Brasileira.

Desconfiados que nas áreas mineradoras havia contrabando e sonegação de ouro, o Governo Português criou novos impostos. O minerador teria que pagar 17 grama de ouro por cada escravo.

Não conformados com todos esses impostos o Governo determinou ainda que o Quinto deveria ultrapassar o mínimo de 100 arrobas anuais, ou seja, 1,5 tonelada e meia. Se esta meta não fosse alcançada, a Intendência praticaria a Derrama, imposto pago com o confisco de bens pessoais de todas as pessoas que habitavam a região aurífera.

Com o passar das décadas a extração do Ouro Brasileiro começou a cessar devido a dificuldade de explora-lo, mas mesmo assim o governo lusitano encistia com a cobrança da Derrama.

Em consequência disto, muitos mineradores contraíram enormes dividas com o fisco minerador, fato que fez com que eles se revoltassem, desencadeado movimentos contrários a exploração econômica por parte da Coroa Portuguesa. Um dos mais conhecidos destes movimentos foi a Revolta de Felipe dos Santos.

A mineração ocorrida no período colonial desenvolveu a integração do território brasileiro ao possibilitar o comércio entre as regiões.

Para abastecer os mineradores a pecuária foi desenvolvida, principalmente na região Sul. Ao longo das rotas de transportes muitas pessoas passaram a exercer o comércio.

2 comentários:

  1. o texto é ótimo, esclareceu minhas ideias. Porém percebi erros grotescos de ortografia, que vergonha.

    ResponderExcluir

Regras para comentários:

Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
publicamos somente os comentários que tenham relação com o assunto da postagem.

Parcerias, Dicas e Sugestões entrar em Contato pelo Email: historiatecabrasil@hotmail.com

Históriateca Brasil © Copyright - Todos os direitos reservados.

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização prévia. Só é permitida a reprodução para fins de pesquisas e trabalhos escolares.

Plágio é crime (Artigo 29 Lei 9.610/98)